A castração realmente acalma o pet?

A castração é um assunto muito debatido entre os tutores.

Muito mais do que simplesmente impedir a procriação do pet, ela também influencia no seu comportamento, deixando-o mais calmo, tranquilo e comportado.

Isso porque muitas atitudes territoriais, agressivas e possessivas têm relação com o acúmulo de hormônios no organismo.

Esse processo, então, diminui muito ou até mesmo acaba com diversos comportamentos ruins, que só trazem dor de cabeça para o tutor.

Nós separamos algumas situações em que a castração ajuda a acalmar o cão, dá só uma olhada:

Agressividade com outros pets

Cães machos, principalmente, podem apresentar muita rivalidade e agressividade com outros cães. Especialmente se ele for dominante.

Mesmo aqueles que aprenderam a socializar com animais desde filhotes podem apresentar esse comportamento.

Depois de castrados, eles acabam ficando mais calmos e tranquilos ao estarem na presença de outros cachorros, evitando brigas.

Possessividade

Em alguns casos, a possessividade em relação à comida ou brinquedos está ligada aos hormônios caninos.

Mas nem sempre essa atitude ruim é resolvida com a castração, pois pode haver outros motivos por trás dela.

Nesse caso, é preciso identificar o que está causando isso e trabalhar o problema em conjunto com um profissional.

Marcação de território

Fazer xixi por todos os cantos pode dar uma dor de cabeça danada.

Os machos fazem isso para marcar território, é um comportamento natural dos cães. Mas não é nada legal ter que ficar limpando a casa o tempo todo por causa disso, né?

A castração diminui muito o ato de marcar território, podendo até parar com isso de vez, se o pet for mais novo.

Cães mais velhos já fizeram disso um hábito, então é possível que ele não acabe por completo. Mas, com certeza vai diminuir muito a frequência com que fazem isso.

Comportamentos sexuais

É uma situação bem chata e constrangedora quando o pet monta na perna de alguém, não é? Outro comportamento bem ruim é a fuga para ir atrás de uma fêmea no cio.

Depois de castrado, o cão acaba perdendo o interesse nesses “assuntos”, já que os seus hormônios já não estão mais à flor da pele, fazendo com que ele se concentre mais nos seus tutores e no seu lar!

Castração e adestramento são grandes aliados!

Enquanto uma acalma o peludo, a outra reforça o bom comportamento, tornando tudo mais fácil e melhorando a relação entre tutor e pet!

Mas, claro, sempre com calma e paciência.

No Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *